domingo, 29 de julio de 2012

1996 - MARGINÁLIA - Arte & Cultura "na idade da pedrada"






 

 
 









“Marginália– arte & cultura ‘na idade da pedrada’ revela, antes de mais nada, um trabalho corajoso em vários sentidos. Corajoso porque não teve medo de flagrar e exibir agressivamente, numa hora política delicada, a grande recusa de toda uma geração. A irreverência tropicalista em sua radicalidade maior, seu projeto iconoclasta de implosão de sentidos, seu superavit utópico. Corajoso porque, destemida, Marisa Alvarez Lima nos devolveu, de forma explicitamente visceral, tudo o que pressentia, vivia e observava, num diário experimental e poético que não conhece as fronteiras entre conteúdo e forma, arte e pesquisa, memória e criação.” (Heloisa Buarque de Hollanda)


ALVAREZ LIMA, Marisa. Marginália - Arte & cultura "na idade da pedrada". Rio de Janeiro: Salamandra, 1996. 180 pág.



Página 83
 
Página 148














No hay comentarios:

Publicar un comentario